Piaui Hoje





Economia

Telemarketing

Call Center vai oferecer 5 mil empregos em Teresina

Atualizado em 07/05/2013 - 16:09 h
Tamanho da fonte: 15    
Renato Bufalo, diretor-geral da Vikstar Contact Center, na capa da Revista Cliente S.A. Renato Bufalo, diretor-geral da Vikstar Contact Center, na capa da Revista Cliente S.A. (Foto: Reprodução/Vikstar)
O governador Wilson Martins recebeu, nesta terça-feira (7) o executivo Elio Salles, diretor administrativo financeiro da Vikstar Contact Center, empresa que está instalando em Teresina um call center com mais de 5 mil postos de emprego. O Governo do Estado será parceiro da empresa em ações de qualificação de mão de obra, que será quase integralmente local (a exceção são alguns cargos de chefia). A empresa inicia sua operação em julho.

A Vikstar foi criada em 2006, com sede em São Paulo, e desde 2009 atua na área de prestação de serviços de vendas e teleatendimento ao consumidor via call center.

O cronograma de instalação da empresa em Teresina prevê dois estágios: no primeiro momento, serão preenchidas 1.040 posições de atendimento (casa posição de atendimento é ocupada por no mínimo dois profissionais); em seguida, serão abertas mais 1.200 a 1.500 posições de atendimento.

“O perfil do pessoal que trabalha conosco é de pessoas jovens, entre 18 e 25 anos, pessoas que estão em seu primeiro emprego e com habilidade para comunicação. A formação é oferecida pela empresa”, explica Elio Salles.

E é exatamente na área de formação e qualificação profissional que Governo do Estado e Vikstar podem firmar parcerias. “Temos um desempenho muito bom em relação ao Projovem Urbano e ao Projovem Trabalhador, com qualidade reconhecida pelo Governo Federal. Essa é uma área em que podemos atuar juntos, já que esse é um empreendimento que irá gerar milhares de postos de emprego utilizando mão de obra local”, comentou o governador Wilson Martins.

Segundo Ellio Salles, Teresina foi selecionada entre 340 municípios por apresentar vantagens competitivas como população, infraestrutura, disponibilidade de mão de obra, ausência de concorrência, média de instrução da população superior a outras capitais, e incentivos fiscais. “Nossa expectativa é de benefícios mútuos. Em São Paulo, o mercado está muito saturado. Acredito que aqui conseguiremos ter uma lealdade maior dos funcionários”, explicou.

O governador Wilson Martins determinou à secretária estadual de Trabalho e Emprego, Larissa Maia, que estude as possibilidades de parcerias com a Vikstar na área de qualificação de mão de obra local.


Fonte: CCom  |  Editor: Paulo Pincel

Comentarios



Assine nosso newsletter




© 2014. | Piauí Hoje | Todos os direitos reservados. Emails para contato: redacao@piauihoje.com - comercial@piauihoje.com - financeiro@piauihoje.com Rua Dr. Ocílio Lago - 1197 - Ininga - Teresina(PI) - CEP - 64048-025 - Telefones do Piauí Hoje: (86)3237-1000 e (86)9987-9655