Piaui Hoje





Geral

Grana extra

Sinte: advogado explica pagamento de precatórios a 12 mil beneficiários

Atualizado em 24/01/2014 - 16:48 h
Tamanho da fonte: 15    
 Cerca de 12 mil servidores da Educação estadual que integram a ação do sindicato dos servidores da categoria, em 1993, começam a receber cerca de R$ 362 milhões relativos aos precatórios.

O advogado do Sinte, Geovani Machado, explica que o Tribunal de Justiça possui uma lista das pessoas beneficiadas. Todos eram trabalhadores da Educação e recebiam salário inferior ao mínimo estabelecido por lei.

Esses beneficiários devem consultar a lista e, caso algum dado esteja incorreto, procurar o Sinte para atualizar o cadastro.

O pagamento será feito pelo próprio Tribunal de Justiça, na conta bancária que foi indicada por cada servidor. Por isso a preocupação.

Se o servidor já tiver morrido, os herdeiros têm direito a receber o valor, que varia entre R$ 25 mil a R$ 35 mil.

"Se o beneficiário foi casado, filhos e esposo ou esposa podem receber. Se não foi casado, os pais têm direito. Mas, para isso, devem ter um inventário dos bens e uma autorização judiciária", disse.

Os pagamentos obedecem a ordem cronológica. Ou seja, recebe primeiro os mais velhos da lista e por último os mais novos. A cada mês, serão pagos R$ 2 milhões.


Fonte: cidadeverde  |  Editor: Orlando Portela

Comentarios



Assine nosso newsletter




© 2014. | Piauí Hoje | Todos os direitos reservados. Emails para contato: redacao@piauihoje.com - comercial@piauihoje.com - financeiro@piauihoje.com Rua Dr. Ocílio Lago - 1197 - Ininga - Teresina(PI) - CEP - 64048-025 - Telefones do Piauí Hoje: (86)3237-1000 e (86)9987-9655