CAR MAIS

Protótipo de um carro elétrico chamado de Vision-S

O próprio presidente e CEO da Sony Corporation, Kenichiro Yoshida, foi o responsável pela apresentação do Vision-S


Sony Vision-S

Sony Vision-S Foto: Divulgação

Enquanto todos na Consumer Electronics Show (CES) 2020, maior feira tecnológica do planeta, realizada em Las Vegas, esperavam pela nova geração do PlayStation, a Sony surpreendeu o mundo ao apresentar um protótipo de um carro elétrico chamado de Vision-S. A partir da Inteligência Artificial, um software integrado utilizará um sistema de telecomunicações localizado na nuvem da empresa japonesa para permitir a atualização constante das funções do veículo, que não tem previsão para se tornar um carro de produção. O próprio presidente e CEO da Sony Corporation, Kenichiro Yoshida, foi o responsável pela apresentação do Vision-S na cidade norte-americana, para uma incrédula multidão.

O conceito da Sony tem trinta e três sensores interligados espalhados dentro e fora do veículo para detectar a presença de pessoas e objetos por perto, e conta com um sistema de som 360 Reality Audio com auto-falantes embutidos em cada um dos assentos para envolver os passageiros completamente, conectividade sempre ativa, com algumas peças vindas de players do setor como BlackBerry e Bosch, e é alimentado por uma plataforma de veículo elétrico recém-projetada – desenvolvida pela fornecedora automotiva Magna – que a Sony diz ser capaz de alimentar outros tipos de veículos.

“Este protótipo representa nossa contribuição para o futuro da mobilidade”, afirmou Yoshida. E a curiosidade se manteve no ar no palco da CES 2020. A Sony passou apenas alguns minutos mostrando o carro antes de encerrar a apresentação, que tinha também a revelação do PlayStation 5, deixando algumas dúvidas no ar, como: a empresa pretende colocar o Vision-S em produção ou será apenas um carro de referência? Ela permitirá que outras companhias façam seus protótipos na sua plataforma?De concreto, a Sony ultrapassou os limites de apenas mostrar as tecnologias do Vision-S em um veículo estático e partiu para a construção efetiva de um carro elétrico que realmente funcionasse. “Por meio do processo de construção do protótipo, começamos a aprender muito sobre a arquitetura do veículo e a pensar em como nossas outras tecnologias poderiam ser implementadas”, explicou Yuhei Yabe, gerente-geral de IA da Sony Corporation, um grupo de negócios de robótica.

A empresa oriental trabalhou com a fabricante Magna para ajudar no trabalho de engenharia de veículos, e o resultado é um carro com especificações louváveis ??para uma primeira tentativa. Conforme a Sony, o Vision-S – por fora, semelhante aos esportivos da Porsche –, pode acelerar de zero a 100 km/h em 4,5 segundos, graças a dois motores de 200 kW (um em cada eixo) – em um total de 560 cavalos de potência. A empresa não citou a autonomia do conceito, mas um gráfico estava mostrando na apresentação que o carro andaria mais quatrocentos e quarenta quilômetros com 82% restante da bateria.





Fonte: Automotrix

Próxima notícia

Dê sua opinião: