ENEM

Portões abrem às 12h e fecham às 13h; prova vai das 13h30 às 18h30

Fique atento ao que é preciso, ao que pode e ao que não pode levar


Enem

Enem Foto: Divulgação

Para evitar atrasos e confusões com a saída, é bom ficar atento aos horários neste domingo, 10 de novembro, segundo dia de provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019. Os portões abrem ao meio-dia (12h) e fecham às 13h, com início de prova às 13h30. O encerramento é meia hora antes do que na semana passada: o exame termina às 18h30.

A pontualidade é importante, pois o atraso impede o candidato que se preparou meses de fazer a prova. Não é o único ponto, no entanto, ao qual o participante deve ficar atento. Assim como no primeiro dia, é preciso levar documento original com foto e caneta esferográfica feita com material transparente e de tinta preta.

Antes de entrar na sala, cada participante receberá um envelope porta-objetos para guardar itens pessoais. É preciso guardá-lo embaixo da carteira, com aparelhos eletrônicos desligados. Confira se há algum alarme programado em celular ou relógio, pois qualquer som emitido — mesmo guardado e lacrado — leva à eliminação de forma automática.

Quem precisa comprovar presença no Enem deve imprimir e entregar ao aplicador a Declaração de Comparecimento, disponível na Página do Participante, na internet, ou pelo aplicativo "Enem", disponível nas lojas virtuais de celular. É recomendável, mas não obrigatório, ter em mãos o Cartão de Confirmação da Inscrição, que contém informações como o local de prova, atendimento específico ou especializado deferido, entre outros dados.

Fique atento ao que pode e o que não pode no Enem:

O que é obrigatório levar para a prova

caneta esferográfica de tinta preta e fabricada em material transparente;

documento oficial de identificação, original e com foto.

O que é aconselhável levar para a prova

Cartão de Confirmação de Inscrição;

Declaração de Comparecimento impressa (caso precise do documento).

O que é proibido

borracha;

corretivo;

chave com alarme;

artigo de chapelaria;

impressos e anotações;

lápis;

lapiseira;

livros;

manuais;

régua;

óculos escuros;

caneta de material não transparente;

dispositivos eletrônicos (wearable tech, calculadoras, agendas eletrônicas, telefones celulares, smartphones, tablets, iPods, gravadores, pen drive, mp3, relógio, alarmes);

fones de ouvido ou qualquer transmissor, gravador ou receptor de dados imagens, vídeos e mensagens.

Fonte: Ministério da Educação

Próxima notícia

Dê sua opinião: