CENSO 2020

Sai até o fim deste mês o edital do IBGE para contratação de recenseadores

A contagem do número e a situação dos autistas no Brasil será a grande novidade do censo de 2020


As dificuldades da vila Irmã Dulce serão mostradas no censo

As dificuldades da vila Irmã Dulce serão mostradas no censo Foto: Arquivo do Piauí Hoje

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE, publicará até o final deste mês o edital para contratação de pessoas que trabalharão no censo de 2020. Serão mais de 200 mil vagas em todo o país. Para o Piauí serão abertas 3 mil vagas de emprego temporário dos recenseadores. A novidade do censo neste ano será a contagem do número e a situação dos autistas no Brasil.

De acordo com o chefe da unidade do IBGE no Piauí, Leonardo Passos, as inscrições dos candidatos a recenseadores ocorrerá em março. As provas do concurso serão realizadas em maio e as contratações devem ocorrer a partir de junho.

Ainda conforme Leonardo Passos, a coleta dos dados começa em agosto e termina em outubro. Os resultados do censo saem entre dezembro de 2020 e janeiro de 2021. Os recenseadores visitarão 70 milhões de domicílios em todo o país.

O censo será uma oportunidade de gerar emprego nos municípios. Em Teresina serão mais de 700 vagas para dois cargos: recenseador, que visitará os domicílios e fará a coleta de dados, e de supervisor. O recenseador receberá por produtividade. Cada questionário coletado terá um valor fixo. O supervisor terá um salário de R$ 2 mil", explica o chefe do IBGE no Piauí.

Censo na Internet - A  coleta de dados também poderá ser feita pela Internet através no site do IBGE. As pessoas poderão responder ao questionário do censo pelo seu Smartphone ou computador virtualmente. No site do Censo 2020 já estão disponíveis os questionários experimentais de "Amostra" e "Básico". Isso facilitará a prestação das informações aos recenseadores. Quando o recenseador visitar o domicílio de uma determinada pessoa que já preencheu o questionário online, será informado por meio de uma notificação no aparelho de coleta.

Leonardo Passos, chefe da unidade do IBGE no Piauí
O censo - Trata-se de uma pesquisa domiciliar que traça um perfil socioeconômico da população, para saber além de quantos somos como estamos vivendo. O censo de 2020 está sendo planejado pelo IBGE desde 2016. Em maio de 2008 o IBGE iniciou o primeiro teste de coleta de dados pela internet para o Censo Demográfico 2020. O ensaio ocorreu em 52 municípios das cinco grandes regiões, incluindo domicílios de todas as capitais e cidades com mais de 500 mil habitantes.

O recurso já havia sido utilizado em 2010 em poucos casos, mas apenas como alternativa à entrevista presencial em ocasiões em que ela não foi possível. O objetivo principal do teste era avaliar o que o IBGE conseguiria com o auto-preenchimento do questionário, em comparação ao presencial.

Diferentemente de outros estudos que o IBGE realiza, sob o método de amostragem, o censo é feito diretamente com visita a todos os domicílios do país, inclusive nos lugares mais remotos, insalubres e perigosos.

Acesse os links abaixo e conheça os questionários:

QUESTIONÁRIO DA AMOSTRA
https://censo2020.ibge.gov.br/media/com_mediaibge/arquivos/bd918f26b77d18d86c251e7b1f7c1a70.pdf
QUESTIONÁRIO BÁSICO
https://censo2020.ibge.gov.br/media/com_mediaibge/arquivos/ba7ebcb8ad1eb3d4d1e103c9033d5404.pdf

*Lívia Ferreira é estagiária do Piauí Hoje.Com sob supervisão do jornalista Luiz Brandão

Próxima notícia

Dê sua opinião: