LIVRO

Academia Piauiense de Letras lança 8 obras neste sábado

A coleção traz aos piauienses obras que reúnem informações, histórias, fatos, relatos e imagens que retratem a história da Academia


Sede da Academia Piauiense de Letras em Teresina

Sede da Academia Piauiense de Letras em Teresina Foto: Reprodução

Valorizando a literatura local, a Academia Piauiense de Letras lança neste sábado, 09 de novembro, oito novas obras para o público em geral. O evento ocorrerá a partir das 10h na sede da instituição centenária, que fica localizada na avenida Miguel Rosa.

Pela coleção 'Século XXI' serão lançados os títulos: VIET, de Guilherme Nery Costa; Dez em Conto, de Nelson Nery Costa; Minha Terra e Minha Gente, de José Sérgio dos Reis Júnior; O Clone, de Rubens Nery Costa; bem como Da Costa e Silva em Quadrinhos, de Nelson Nery e Caio Oliveira; e Mandu Landino em Quadrinhos, de Leandro Fernandes e Narciso.

Já da coleção 'Centenário' os títulos lançados são: Caminho de Perdição, de Castro Aguiar; e Modernismo de Vanguarda – 1ª série, de M. Paulo Nunes.

A coleção traz aos piauienses obras que reúnem informações, histórias, fatos, relatos e imagens que retratem a história da Academia. "Estamos realizando uma série de eventos em homenagem aos 100 anos da APL; a Coleção Centenário é um desafio editorial e não tem nada similar no Brasil", indicou o presidente da APL, Nelson Nery Costa.
A instituição está desenvolvendo uma programação desde dezembro de 2017 em que comemora os seus 100 anos. Entre os eventos, já ocorreu a entrega da Medalha do Centenário a mais de 50 personalidades que contribuíram ou tem contribuído para a literatura piauiense. Também já ocorreu a inauguração do Museu da Cultura Literária Piauiense, instalado na Casa de Lucídio Freitas, sede da Academia. Além disso, a Coleção Centenário vem, desde 2016, fazendo um resgate de obras antigas, importantes, escritas por intelectuais renomados, que tratam sobre o Piauí e sobre tudo que se relaciona com o Estado.

Fonte: AI Comunicação Ai

Próxima notícia

Dê sua opinião: