CINEMA

Confira as dicas da coluna “Via Streaming”

Transmissões que estão fazendo sucesso


“Modern Family”

“Modern Family” Foto: Divulgação

Dica da Semana: “Modern Family”

Na semana do Dia dos Pais, uma chance de ver (ou rever) uma série que ganhou popularidade ao retratar uma família nada usual


Com o passar do tempo, os padrões de comportamento sociais tendem a mudar radicalmente. Nesse sentido, velhos hábitos e tradições dão lugar a novas rotinas, e isso repercute em todos os aspectos da sociedade, como no aumento do número de divórcios e na aceitação de casais homoafetivos. Para celebrar o progresso sem perder o espírito de família, foi criada a série “Modern Family”, que possui duas temporadas disponíveis na GloboPlay e dez no Fox Play.
A comédia, que já recebeu 14 indicações ao Emmy, conta a história de três famílias que vivem em um mesmo bairro. Em cada casa está presente um membro dos Pritchett: Jay, o pai, e seus filhos Mitchell e Claire, e as famílias de cada um não podiam ser mais diferentes. O filho, que é homossexual, mora com o melodramático Cameron, de personalidade completamente oposta à do discreto companheiro. Mais adiante na rua é a casa onde vivem Claire com seu infantil marido Phil e os filhos Haley, Alex e Luke. Por fim, o patriarca vive com a exuberante Gloria, sua segunda esposa, e o enteado Manny. Com o passar do tempo, as relações vão se intensificando, as crianças crescem e novos personagens são adicionados à trama, de forma a manter a originalidade da produção sem cair na “mesmice”, um dos grandes problemas de séries com muitas temporadas.
“Modern Family” já se tornou um ícone televisivo americano e desde 2009 está constantemente entre as séries mais assistidas. Muito disso se deve ao ritmo e à fluidez de cada episódio, que dura cerca de vinte minutos. Mas a principal qualidade da produção é a importância que cada personagem principal tem no contexto da série. Com o decorrer dos episódios, percebe-se que cada protagonista é essencial para o andamento da trama, exatamente como um quebra-cabeças. A série faz tanto sucesso que foi renovada para onze temporadas, e deve se encerrar no próximo ano.

Link para o trailer de “Modern Family”: https://www.youtube.com/watch?v=lIXjDxNNWis

Sonhos da periferia

“Sintonia”“Sintonia” chega na Netflix para retratar a realidade dos jovens nas comunidades paulistas

Originário da comunidade da Vila Santo Antônio no Guarujá, o paulista Konrad Dantas criou o KondZilla, que se tornou o maior canal de música do mundo. Com mais de cinquenta milhões de inscritos no YouTube, se tornou famoso pela produção de videoclipes para o funk ostentação paulista. Após se tornar um símbolo no gênero, o portal de conteúdo decidiu expandir sua influência com a abertura de uma gravadora musical e a criação de uma linha de roupas. Para dar sequência ao projeto, que preza acima de tudo pela comunicação honesta com os jovens da periferia, Konrad se uniu a Netflix para realização da série “Sintonia”, que estreia dia 09 de agosto na plataforma de streaming.  
Ao longo de seis episódios de 40 minutos cada, a série acompanha três melhores amigos em sua busca por um lugar dentro da maior metrópole do país. Apesar da forte conexão entre eles e das experiências compartilhadas em decorrência da vida na periferia paulista, os objetivos de cada um são diferentes. Para Doni (MC Jottapê) o sonho de se tornar um funkeiro famoso já é cristalino. Porém, a falta de apoio dos pais, que veem no filho o futuro do negócio familiar, um mercadinho local, será um grande obstáculo.
Nesse cenário, também encontramos Rita (Bruna Mascarenhas), uma jovem que, após se envolver em um esquema de drogas e dvds piratas, decide entrar para Igreja Evangélica da comunidade. E, para completar o trio, há Nando (Christian Malheiros). Apesar da idade, já possui um filho e, com o intuito de ganhar dinheiro rápido, se envolve com o crime organizado e logo passa a almejar o posto de gerente do tráfico na região. Com o objetivo de promover uma abordagem realista e honesta sobre o tema, “Sintonia” foi toda filmada na Vila Jaguaré, uma favela na Zona Oeste de São Paulo.  

Link para o trailer de “Sintonia”: https://youtu.be/xsODpM3Rwdg

“Free Mill”

Dias incertos

“Free Meek” é uma produção original da Amazon Prime Video que documenta a longa jornada judicial do rapper Meek Mill por sua liberdade

O Rap é um gênero musical muito popular nos Estados Unidos que atingiu sua fama na década de 1980. O próprio nome do estilo - “Rhythm and Poetry” (ritmo e poesia) - já indica como são as produções musicais nessa linha. Além disso, o rap sempre foi muito popular por fazer duras críticas à realidade e denunciar, por exemplo, a violência e a marginalização sofrida pelos indivíduos pobres e negros na sociedade. Atualmente, diversos artistas têm ganhado um
ito destaque no cenário internacional. Dentre eles, pode-se citar o rapper Meek Mill, cuja história de vida inspirou a produção de um documentário original da Amazon Prime Video chamado “Free Meek”, que será disponibilizado na plataforma dia 9 de agosto.
Com diversas canções estreando no topo das paradas, o rapper conseguiu se consolidar como uma forte voz no cenário do hip hop americano, mesmo ainda travando uma longa batalha judicial por sua liberdade. O documentário pretende abordar a história de Mill, que ainda cumpre sentença por sua prisão em 2007, quando foi condenado por posse de drogas e de armas, crime do qual alega ser inocente. Além disso, “Free Meek” também acompanha a instável situação do cantor, que constantemente se encontra culpado por infrações técnicas em sua liberdade condicional e acaba ou de volta para a cadeia ou com seu tempo de sentença aberta aumentado.
Com aproximadamente três horas de duração, a série conta com depoimentos de diversas figuras importantes no cenário musical e investigativo. Neles pode-se encontrar o rapper Jay-Z, o próprio Mill, o jornalista investigativo Paul Solotaroff (que foi quem relatou o caso à revista "Rolling Stones") e os detetives particulares Tyler Maroney and Luke Brindle-Khym. “Free Mill” se aprofunda em questões como corrupção, racismo e violência policial de forma crítica e realística.

Link para o trailer de “Free Meek”: https://youtu.be/UdQ0s6BKUoQ

Curta a página da coluna “Via Streaming” no Facebook em www.facebook.com/colunaviastreaming

Fonte: Kreitlon Pereira

Próxima notícia

Dê sua opinião: