EVENTO

Produtores, políticos e empresários do Piauí irão debater tendências do Agronegócio

Além de representares do setor no Brasil e no Piauí, nomes importantes e conhecidos no mercado internacional serão palestrantes


Safra de soja

Safra de soja Foto: Reprodução

Uso das novas tecnologias, mercado internacional da soja e do milho, gestão tecnológica das fazendas, participação e responsabilidades do poder público no desenvolvimento do agronegócio serão apenas alguns dos temas discutidos no 1º Workshop Novas Tendências do Agro que será realizado no dia 6 de fevereiro em Uruçuí.

Além de representares do setor no Brasil e no Piauí, nomes importantes e conhecidos  no mercado internacional serão palestrantes no evento promovido pela Aprosoja Piauí (Associação dos Produtores de Soja do Piauí).

Um deles, Danilo Moura, atua na área de gestão de risco de commodities agrícolas e moedas e será palestrante no evento. O economista atua na INTL FCStone Inc , que é uma empresa Fortune 500, lista das maiores corporações dos Estados Unidos. Em sua palestra irá abordar as tendências e fundamentos do mercado da soja e do milho.

Segundo o presidente da Aprosoja Piauí, Alzir Neto, o evento tem como público alvo os produtores e todos os interessados em investir no agronegócio do Piauí. Também serão debatidos temas relacionados ao associativismo empresarial e mecanismos de controle social em uma palestra de Marco da Rosa, presidente da Aprosoja Brasil. *

Também participarão do evento os deputados Henrique Pires e João Mádison, do MDB e o Gustavo Neiva do PSB, todos membros da Frente Parlamentar da Agropecuária do Piauí (FPAP) e o diretor do Instituto de Terras do Piauí (Interpi), Chico Lucas.

"É um evento que tem como apresentar as novas possibilidades do mercado aos produtores especialmente no que diz respeito a tecnologia do campo e também de promover um debate com os representantes do poder público em relação temas como a tributação e o trabalho no agronegócio bem como a modernização da legislação referente a agricultura no Piauí", explica Alzir.  

Fonte: Ai Comunicação Ai

Próxima notícia

Dê sua opinião: