REBELIÃO

Adolescentes fazem motim no CEM e destroem alojamentos

O motivo seria atraso nas visitas dos familiares; a situação foi controlada


Motim no CEM

Motim no CEM Foto: Redes sociais

Menores infratores iniciaram uma rebelião por volta das 12 horas deste domingo (11)  no Centro Educacional Masculino (CEM), no bairro Memorare, na zona Norte de Teresina. O Corpo de Bombeiros foi acionado porque os adolescentes atearam fogo em colchões e papelões. As chamas foram controladas e a estimativa é que pelo menos quatro pavilhões foram destruídos pelos adolescentes. 

Os internos conseguiram sair dos pavilhões e ficaram soltos na unidade, jogando pedras nas funcionários para que ninguém se aproximassem. Na ação, um deles foi feito refém. O motim teria sido motivado após as visitas dos parentes começarem a atrasar. A Polícia militar informou que a situação já foi controlada e que agora estão realizando a contagem de internos. 

O CEM abriga 150 internos, mas a capacidade máxima é de 80. Recentemente o Governo decretou situação de emergência na Unidade Educacional. Os adolescentes reclamam também da superlotação. 

Próxima notícia

Dê sua opinião: