JOVENS ATLETAS

CT Sarah Menezes pode fechar as portas por falta de pagamento

Os professores denunciam que estão desde março de 2018 sem receber salários e realizaram um protesto no local


Alunos protestam  no Centro Sarah Menezes

Alunos protestam no Centro Sarah Menezes Foto: Reprodução/Redes sociais

O Centro de Artes Marciais Sarah Menezes, no bairro Saci, zona Sul de Teresina, pode fechar as portas a qualquer momento e acabar com o sonho de pelo menos 300 alunos que desejam ser medalhistas. Quinze professores da instituição alegam que estão sem receber salários desde março do ano passado e por esse motivo ameaçam suspender as atividades.

Nessa segunda-feira (02), alunos e pais realizaram uma manifestação no local para pedir que as aulas não sejam suspensas. Professores também manifestaram para pedir o pagamento de salários atrasados.

 Os alunos são crianças e jovens, sendo que a maioria de de família pobre e com vulnerabilidade social. O Centro Sarah Menezes foi inaugurado em 2016 com a proposta de contribuir com a formação de crianças e jovens através do esporte. 

Nas redes sociais circula um texto 'sem autoria' que informa sobre o fechamento do Centro de Treinamento de Artes Marciais Sarah Menezes e o motivo para que isso aconteça:

A Secretaria de Estado da Educação (Seduc) se pronunciou através de nota e disse que o atraso nos repasses para o Centro de Treinamento se deu por pendências na prestação de contas por parte da Associação de Judô Expedito Falcão (AJEF).

Confira a nota da Seduc:

  “A Secretaria de Estado da Educação (Seduc) informa que o atraso na liberação de parcelas previstas no cronograma do Termo de Fomento firmado no ano de 2018 com a Associação de Judô Expedito Falcão (AJEF), para manutenção do Centro de Treinamento Sarah Menezes, se deu por pendências na prestação de contas por parte da Associação para com a Seduc, problema sanado somente no mês de novembro do corrente ano.  A Seduc esclarece que a prestação de contas está sendo analisada e, ao final do processo, o referido pagamento será efetuado. A previsão é que as primeiras parcelas sejam pagas ainda no mês de dezembro”

Próxima notícia

Dê sua opinião: