SAUDE

Maternidade Dona Evangelina Rosa é desinterditada

A MDER é a única especializada em atendimento de alta complexidade no estado.


reunião no CRM

reunião no CRM Foto: Ascom

O Conselho Regional de Medicina (CRM) resolveu, nessa segunda-feira (04), pela desinterdição da Maternidade Dona Evangelina Rosa (MDER), o que permitirá que a maternidade volte a funcionar em plena normalidade.

Antes da reunião do colegiado, a presidente do CRM, Miriam Palha Dias, e membros do conselho estiveram reunidos com o secretário de Estado da Saúde, Florentino Neto; o diretor da MDER, Francisco Macedo; e equipe de técnicos da maternidade, da CGE e da Sesapi.

Durante a reunião, a equipe técnica explanou tudo que foi feito para o cumprimento dos itens exigidos pelo CRM.  Florentino Neto destacou que foi elaborado um plano de providências que está sendo cumprido. “A MDER está com regularidade no abastecimento, fluxo financeiro restabelecido, reformas de várias alas e um projeto de contínuas reformas que irá continuar”, disse o secretário.

Florentino estabeleceu com o CRM o compromisso de, junto ao Conselho Regional de Medicina, estimular o fortalecimento do setor de obstetrícia em vários hospitais próximos a Teresina, além de continuar realizando vistorias contínuas na Evangelina Rosa, a fim do cumprimento de todos os regulamentos que dizem respeito ao funcionamento da unidade de saúde.

Próxima notícia

Dê sua opinião: