REPARAÇÃO

Governo vai comprar terras e doar para índios em Piripiri

Projeto do Governo do Piauí já doou terras a indígenas de Queimada Nova e Lagoa do São Francisco


Reunião com os índios em Piripiri

Reunião com os índios em Piripiri Foto: CCOM

Lideranças indígenas de Piripiri participarão de reunião com a vice-governadora Regina Sousa nesta sexta-feira (03) e com o presidente do Interpi, Chico Lucas. O encontro vai discutir a compra de uma área para as mais de 300 famílias de índios tabajaras do município que há anos reivindicam terras para morar e trabalhar. A reunião acontecerá às 9h, na casa do cacique Vitor, na comunidade Canto da Várzea, zona rural da cidade.

A compra do terreno pelo Governo do Estado visa abrigar as famílias indígenas que atualmente moram na zona urbana de Piripiri e na localidade Canto da Várzea. "Índio não gosta de viver na zona urbana e como a cidade cresceu, eles acabaram ficando na zona urbana", diz a vice-governadora. Ela acrescenta que o governo vai resolver a situação deles, comprando terras para acomodá-los, como já resolveu a dos índios que moram nos municípios de Queimada Nova, no sul do estado, e de Lagoa do São Francisco, na região norte.

De acordo com a vice-governadora, os índios já escolheram a terra onde pretendem morar. O proprietário do local participará da reunião. A região será comprada pelo Interpi, caso a negociação seja positiva.

"Nessa reunião, se Deus quiser, vamos resolver a situação das terras para as famílias indígenas", disse a vice-governadora.

Próxima notícia

Dê sua opinião: