VEXAME

Perdido e sem agenda, Bolsonaro atrapalha solenidade pelo Dia do Nordeste na Câmara

Rodiado de seguranças e assessores, o presidente chegou à solenidade sem saber do que se tratava


Bolsonaro

Bolsonaro Foto: Marcos Corrêa/PR

Durante a solenidade em homenagem ao Dia do Nordeste, na Câmara dos Deputados, na manhã desta terça-feira (5), o presidente Jair Bolsonaro apareceu de repente, sem anúncio de sua ída ao local e sem saber do que ocorria por lá. Parecia perdido e sem agenda. Disse pensar que se tratava de uma reunião ordinária da Câmara para pedir apoio à Reforma Administrativa.

Mesmo assim, com todo improviso, foi convidado a participar da mesa, junto com outras autoridades para uma saudação. Mas, como sempre, mostrando mais uma vez o desrespeito e desprezo ao povo nordestino, demorou pouco e retirou-se sem fazer sequer uma saudação. Bolsonaro apareceu apenas para atrapalhar a sessão solene.

Mesmo aliviadas com saída de Bolsonaro, as autoridades presentes avaliaram que a atitude dele mostrou, mais uma vez, sua pequenez  e despreparo para ser o mandatário do país. Além da incapacidade para governar, o presidente é de uma falta de educação sem paralelo na história política brasileira.

AUTORIA - A sessão pelo Dia do Nordeste foi proposta pela deputada federal piauiense Rejane Dias, do PT. Ela comandou a sessão e fez discurso. O governador Wellington Dias participou da solenidade.

A deputada Rejane Dias comandou a sessão em homenagem aos nordestinos

Próxima notícia

Dê sua opinião: