GOLPES

Blogueira de Teresina é presa por estelionato e associação criminosa

A jovem foi presa durante a Operação Bom Negócio, deflagrada pela Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática (DRCI)


Danille Sousa foi presa por crimes virtuais

Danille Sousa foi presa por crimes virtuais Foto: Divulgação

A Polícia Civil revelou que entre os presos na operação 'Péssimo Negócio' deflagrada nessa quinta-feira (11), pela Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática (DRCI), em Teresina, está a blogueira teresinense Danielle Sousa, de  29 anos. A Jovem ostentava nas redes sociais e está sendo acusada de praticar golpes virtuais, estelionato e associação criminosa. 

No total, quatro pessoas foram presas durante a operação. De acordo com o titular da DRCI, delegado Anchieta Nery, Danielle tinha o hábito de frequentar bons lugares em Teresina, melhores restaurantes e festas. A vida social da jovem era bastante ativa, mas escondia o envolvimento em atividades criminosas.

O grupo praticava golpes na internet contras diversas pessoas em Teresina. Os suspeitos realizavam falsas compras em sites e aplicativos por meio de negociação direta, então eles compravam produtos e enviavam comprovantes de pagamento falsos ou adulterados para os anunciantes. 

Danielle era responsável por fabricar os comprovantes falsos de pagamento e escolher as possíveis vítimas. Os golpistas utilizavam fotos de pessoas conhecidas na sociedade de Teresina para ganhar credibilidade das vítimas. Com os comprovantes de pagamento adulterados, a vítima acreditava que realmente o dinheiro havia sido depositado em sua conta e só depois se dava conta de que era um golpe.

Cada golpe era em média de R$ 2 mil e pelo menos 20 vítimas já foram identificadas pela Polícia. O grupo já teria lucrado em média R$ 40 mil com essa prática.  O delegado disse ainda que Danielle Sousa já responde a um inquérito policial, mas não foi revelado maiores detalhes.

Fonte: Polícia Civil

Próxima notícia

Dê sua opinião: