CONFRONTO

Policial baleado na cabeça é transferido para hospital em Teresina e suspeito é preso

O policial foi baleado por um suspeito de homicídio durante perseguição em Caxias


Policial baleado e suspeito

Policial baleado e suspeito Foto: Montagem Piauí Hoje

É grave o estado de saúde do sargento da Polícia Militar do Maranhão José Wilson Amorim, que foi baleado por um suspeito de homicídio durante uma perseguição nessa sexta-feira (9) no povoado Lagoa do Mariano, na zona rural de Caxias (MA). O policial foi atingido com um tiro na cabeça e nas nádegas e foi transferido para Teresina, onde passou por um procedimento cirúrgico ainda na noite de ontem. 

A intervenção cirúrgica foi realizada das 17h30 às 19h50, no Hospital São Marcos. De acordo com informações repassadas por amigos do policial, o quadro dele é estável, mas precisa de cuidados devido à gravidade da lesão. A expectativa dos médicos é de melhora progressiva.

O outro policial baleado foi identificado apenas como Renato, atingido no pé e não corre risco. Os dois foram levados primeiramente para o Complexo Hospitalar Gentil Filho, onde Amorim foi entubado e levado para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI), até ser transferido para Teresina.

CONFRONTO - Na manhã dessa sexta-feira (9), quatro equipes do  2º Batalhão da Polícia Militar de Caxias estavam em diligências no povoado Marinho em busca de suspeitos de matar um cobrador de ônibus em um coletivo no ano de 2018. As diligências eram realizadas em parceria com a PRF, Centro Tático Aéreo (CTA) e Polícia Civil. O autor dos disparos contra os policiais foi identificado como Edifranco de Sousa Santos, de 26 anos, preso durante a operação por volta das 23 horas.


Fonte: Redação Piauí Hoje

Próxima notícia

Dê sua opinião: