RESPOSTA

“Não lembro da deputada Lucy a três anos atrás preocupada com educação”, diz Franzé

Deputado Franzé Silva questionou denúncias da esposa do prefeito Firmino Filho, deputada Lucy Soares com relação a rede estadual de ensino


Deputado Franzé Silva durante entrevista ao Piauihoje.com

Deputado Franzé Silva durante entrevista ao Piauihoje.com Foto: Divulgação

Após a deputada estadual pelo PP, Lucy Soares, realizar viagens pelo interior do Piauí visitando escolas da rede estadual e apresentar denúncias sobre obras paradas nas unidades escolares e transporte irregular de alunos, o deputado da base governista, Franzé Silva (PT), comentou a situação em entrevista ao portal Piauihoje.com na tarde desta quinta-feira (07).

Segundo Franzé, Lucy estaria fazendo o papel que lhe cabe a partir do posicionamento de oposição ao Governo do Piauí. “Avalio que ela está fazendo o papel dela de deputada de oposição e dentro da estratégia do esposo, prefeito de Teresina, visando a eleição de 2020”, disse.

Contudo, o petista disse não lembrar da esposa do prefeito ter preocupação com os piauienses três anos atrás, quando ainda não possuía mandato na Assembleia Legislativa. 

“Não lembro da pessoa da Lucy Soares a três anos atrás preocupada com a educação e saúde dos cidadãos piauienses e nenhuma ação dela antes da eleição do ano passado em favor dos mais pobres e necessitados. Na política temos que analisar e avaliar as pessoas pelos compromissos e militâncias, o resto é conjuntura político-eleitoral”, comentou.

Inhuma

Nesta semana, Lucy compartilhou em seus perfis no Instagram e Facebook, vídeo onde mostra alunos do município de Inhuma sendo transportados em picapes sem banco ou cobertura. No final do mês passado, a parlamentar visitou o Centro Estadual de Tempo Integral Joca Vieira, em Teresina e denunciou que as obras para reforma da escola estão paradas desde 2018. De acordo com a deputada, na unidade escolar foram encontrados livros lacrados abandonados à ação do tempo.

SEDUC

Sobre os dois casos, em nota, a Secretaria estadual de Educação (SEDUC) informou que a prefeitura de Inhuma é responsável pelo transporte dos alunos das escolas estaduais e que, no caso, de Teresina, a reforma terá prosseguimento com recursos do programa Educar Piauí.

NOTA I

A Secretaria de Estado da Educação (Seduc) informa que o transporte escolar dos alunos da rede estadual de ensino do município de Inhuma é de responsabilidade da Prefeitura Municipal, que assinou o termo de adesão ao Programa Estadual de Transporte Escolar (PROETE). Com o Proete, a Seduc repassa recursos para os municípios que aderiram ao programa e esses gerenciam a frota que realiza o serviço. A Seduc informa que fará a apuração da denúncia e notificará a prefeitura. 

 NOTA II

A Secretaria de Estado da Educação (Seduc) informa que a obra de reforma do Centro Estadual de Tempo Integral (Ceti) Professor Jova Vieira será retomada por meio do Programa Educar Piauí, iniciativa que prevê o investimento de aproximadamente R$ 1, 6 bilhão em uma série de benefícios para a educação do estado. A secretaria informa ainda que os livros serão alocados em local apropriado.

Próxima notícia

Dê sua opinião: