PARCERIA

Wellington entrega carta de intenções para renovação de contrato com o Fida

O novo projeto prevê a construção de barragens ao longo do Rio Piauí, bem como o processo de recuperação das matas ciliares e introdução de projetos de irrigação.


Audiência no FIDA

Audiência no FIDA Foto: Ascom

O governador Wellington Dias participou de reunião, nesta quarta-feira (20), na sede do Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (Fida), em Roma, na Itália, e entregou uma carta de intenções à diretoria da instituição. Também participaram do encontro os governadores do nordeste.

A superintendente de Planejamento Estratégico e Territorial da Secretaria de Estado do Planejamento (Seplan), Rejane Tavares, esteve presente ao encontro e explicou o que foi discutido. “O primeiro momento foi com a participação de todos os governadores, no qual o Consórcio  Nordeste teve a oportunidade de apresentar a sua estratégia: como está funcionando, quais os seus projetos principais que serão desenvolvidos com os nove estados nordestinos, ao diretor-presidente do Fida e aos editores setoriais”, disse a gestora.

Em seguida, Wellington se reuniu com a diretoria especial de Projetos do Fida para a troca de cartas de intenção. O governador entregou uma carta contendo as intenções do Governo do Piauí de renovar o acordo com o fundo, renovação essa que já está em andamento em Brasília, sendo analisada pela Comissão de Financiamentos Externo (Confiex) e que deve entrar em pauta nesta quarta-feira, mas que já teve uma primeira análise técnica da proposta do Piauí.

“Essa análise foi muito bem aceita, bastante elogiada e aqui o governador reforça o compromisso da importância desse projeto para o desenvolvimento do semiárido do Piauí e para a preservação dos recursos hídricos”, comentou Rejane Tavares.

O novo projeto prevê a construção de barragens ao longo do Rio Piauí, bem como o processo de recuperação das matas ciliares e a introdução de projetos de irrigação, beneficiando e gerando renda para os agricultores e produtores familiares de toda a região semiárida.

Todos os projetos que estão sendo direcionados e negociados na Europa precisam ter o aspecto do desenvolvimento sustentável, da preservação e recuperação ambiental, além do compromisso com a manutenção das florestas em pé e dos recursos naturais. Por isso, o projeto também é focado nessa direção e conta com uma parceria muito importante: do Fida e do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).

“Celebramos aqui no Fida, em Roma, um importante protocolo em que estamos encaminhando para a Confiex uma garantia de um contrato de financiamento, que tem R$ 18 milhões do Fida e R$ 6 milhões no Banco Interamericano de Desenvolvimento, voltada para ações na região do semiárido, assim como para pessoas de baixa renda e também de sustentabilidade”, afirmou o governador.

Fida

O Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (Fida) é uma agência da ONU sediada em Roma. Foi estabelecida em 1977, em resposta à fome no Sael, discutida na Conferência Mundial de Alimentação em 1974. Tem como missão permitir que populações rurais pobres em países em desenvolvimento superem a pobreza.

Fonte: CCOM

Próxima notícia

Dê sua opinião: